ACEB apoia repúdio ACEEG por agressão a cronista no Maracanã

A Associação de Cronistas Esportivos do Brasil (ACEB) apoia o repúdio da Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de Goiás (ACEEG) contra a agressão sofrida pelo jornalista Álvaro de Castro Moura Neto. O cronista cumpria sua escala de trabalho, estava devidamente credenciado para o jogo Fluminense x Atlético-GO pela 9ª rodada do Campeonato Brasileiro, sábado (15), no Estádio do Maracanã.

A ACEB lamenta, profundamente, que episódios de desrespeito e violência a profissionais de imprensa continuem acontecendo. A ACEB se solidariza ao jornalista e apoia a ACEEG na busca por respostas e providências sobre o caso.

Leia na íntegra a nota de protesto da ACEEG:

 

NOTA DE REPÚDIO!

 

A Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de Goiás, por meio do seu presidente Lucimar vem a público para manifestar a mais veemente indignação e repúdio a covarde agressão sofrida pelo jornalista Álvaro de Castro Moura Neto no último sábado (15) no Estádio do Maracanã após o jogo Fluminense x Atlético pela série A do campeonato brasileiro.

É inadmissível e alarmante que um profissional da imprensa no exercício da profissão como assessor do Atlético Clube Goianiense seja alvo de agressão covarde como foi praticada pelo jogador Felipe Melo do Fluminense.

A ACEEG repudia a covarde agressão e se junta ao Atlético Goianiense para cobrar investigação e punição por parte das autoridades competentes ao responsável pela violência praticada Felipe Melo e prováveis comparsas no ato de agressão, ameaça e intimidação.

Não podemos permitir que jornalistas se tornem vítimas de violência e tais intimidações no campo de trabalho.

A ACEEG pede providências urgentes!

Goiânia, 17 de junho de 2024!

Álvaro de Castro Moura neto

Lucimar Augusto

Presidente da Associação dos Cronistas Esportivos do Estado de Goiás.

ACEB MARCA PRESENÇA NA CRIAÇÃO DO DIA NACIONAL DA CRÔNICA ESPORTIVA

Por iniciativa do deputado Federal Douglas Viegas (União-SP), em requerimento enviado à Comissão do Esporte da Câmara para uma audiência pública, foi debatida nesta terça-feira, 11/06, a criação do Dia Nacional da Crônica Esportiva.

A ideia surgiu com o jornalista Fernando Nardini por ocasião da morte de três grandes cronistas esportivos em menos de 24 horas: o Apolinho Washington Rodrigues (na noite de 15 de maio), Antero Greco e Sílvio Luiz (na madrugada e manhã de 16 de maio).

Por isso mesmo a data sugerida, e aceita, para representar o Dia da Crônica Esportiva Nacional foi 16 de maio.

Na audiência desta terça-feira o Deputado Douglas Viegas convidou o presidente da ACEB (Associação de Cronistas Esportivos do Brasil), Erick Castelhero, que se fez presente em plenário e outros jornalistas que participaram de modo remoto através de plataforma digital: Nelson Nunes (presidente da ACEESP), Eraldo Leite (presidente da ACERJ), Arthur Eugênio (presidente da ABRACE) e Octávio Muniz.

Os jornalistas expuseram a importância dos cronistas falecidos, cada um em seu veículo de atuação (Apolinho no rádio, Antero na TV e no impresso, Sílvio Luiz na narração de TV), justificando a homenagem que se apresenta.

O Presidente da ACEB, Erick Castelhero exaltou a iniciativa: "Ter uma data nacional comemorativa especialmente dedicada aos cronistas vai servir para relembrar não apenas Washington Rodrigues, Antero Greco e Silvio Luiz, mas também para recordarmos outros profissionais icônicos que nos informaram e nos emocionaram", disse. "O Dia Nacional da Crônica Esportiva servirá como momento de reflexão, debates e providências rumo a melhores condições de trabalho", completou ainda Castelhero. 

Os jornalistas responderam a diversas perguntas de internautas no debate aberto ao público.

Fernando Nardini, autor da ideia, encaminhada ao deputado Douglas Viegas, ressaltou a importância desses cronistas que serviram de modelo para outras gerações, seja com suas atuações em comentários abalizados sobre futebol, seja na criação de bordões que caíram no gosto popular se tornaram expressões incorporadas ao linguajar dos locutores e comentaristas.

No encerramento dos trabalhos o presidente ACEESP, Nelson Nunes, falou sobre o que se espera do futuro da crônica esportiva: “Nesta avalanche de novas mídias e novos influenciadores na crônica esportiva, haverá um filtro natural e só os melhores e mais bem preparados sobreviverão”.

Já o presidente da ACERJ, Eraldo Leite, lembrou que o jornalista deve estar sempre na vanguarda da notícia prezando pela verdade dos fatos: “Jornalista não mente, jornalista não inventa, jornalista tem obrigação com a ética”.

No encerramento dos trabalhos, Erick Castelhero se pronunciou novamente sobre a ideia da criação da data nacional dos cronistas esportivos: "Precisamos enaltecer a iniciativa do jornalista Fernando Nardini e o empenho do deputado Douglas Viegas no encaminhamento ao Dia Nacional da Crônica Esportiva. A ACEB apoia integralmente a campanha para que o requerimento se transforme em realidade", destacou o Presidente da ACEB.

Credito: Ramon Gonçalves

Crédito: Ramon Gonçalves

Jornalismo esportivo está de luto! Morrem Washington Rodrigues, Sílvio Luiz e Antero Greco

A crônica esportiva brasileira está de luto pelas mortes de Washington Rodrigues, Silvio Luiz e Antero Greco. A ACEB (Associação de Cronistas Esportivos do Brasil) presta sua homenagem aos três profissionais e se solidariza aos familiares, amigos e fãs dos jornalistas que dignificaram a categoria.

“Hoje é um dia triste e de muita dor. São perdas inestimáveis para familiares, amigos e para toda a classe jornalística. Eles deixam um grande vazio em nossas vidas, mas um grande legado para a nossa profissão”, comentou Erick Castelhero, presidente da ACEB. 

Leia mais...

PRESIDENTE DA ACEB NOMEIA ASSESSOR JURÍDICO

Na condição de presidente da ACEB e amparado pelo artigo 17 do Estatuto Social, nomeio como Assessor Jurídico da Presidência o advogado Jean Eduardo Nicolau, que terá a missão de assessorar a Diretoria da ACEB em todas as questões jurídicas que se apresentarem. Sua missão vai durar o mesmo tempo em que durar o atual mandato desta diretoria, ou seja, até março de 2026.

ERICK CASTELHERO É REELEITO PRESIDENTE DA ACEB

Erick Castelhero, de São Paulo, foi reeleito presidente da ACEB - Associação de Cronistas Esportivos do Brasil - neste sábado, 23 de março. O novo mandato de dois anos, se estenderá até março de 2026.

O terceiro e último dia do VI Congresso Nacional de Cronistas Esportivos – ACEB – foi reservado para a Assembleia Geral Ordinária de aprovação de contas dos exercícios 2022 e 2023 e eleição da Diretoria para o próximo período de dois anos.

As contas já tinham sido enviadas previamente e o Conselho Fiscal aprovou por unanimidade. A eleição se deu com chapa única, sendo reeleito o presidente Erick Castelhero (de São Paulo), assim como o 1º vice-presidente Rogério Amaral (do Rio Grande do Sul) e o 2º vice-presidente Benedito Lopes Magalhães. Ficou assim a composição da Diretoria:

Presidente: Erick Castelhero (SP)

1º Vice-Presidente: Rogério Amaral (RS)

2º Vice-Presidente: Dito Lopes (BA)

Diretor Secretário: Elialdo Silva (PB)

Diretor Financeiro: Eraldo Leite (RJ)

Diretor de Assuntos Nacionais, Marketing e Credenciamento: Greyson Assunção (PR)

Diretor de Assuntos Internacionais: Maurício Noriega (SP)

Diretor da Região Norte: Eduardo Monteiro de Paula (AM)

Diretor da Região Nordeste: Pedro Vitorino (RN)

Diretor da Região Centro Oeste: Wpresley (TO)

Diretor da Região Sudeste: Ivanildo Santos (MG)

Diretor da Região Sul: J. B. Telles (SC)

Conselho Especial: Liszt Madruga, Walfran Valentim e Eraldo Leite

Leia mais...